Canto da Baixada | 30 de julho de 2011 - 15:35

O Levante de Solano Trindade

É muito gratificante e dá um orgulho danado saber que é de Duque de Caxias, que sai da Baixada Fluminense a idealização, organização e pesquisa que resultou no belo filme “O Vento Forte do Levante”, um documentário sobre Solano Trindade, de Rodrigo Dutra, que me emocionou na estréia em Caxias, no teatro Raul Cortez. Isso me deu a certeza que não tem como esconder este estado mágico de produção de arte de qualidade que vive a Baixada hoje.

Às vezes tento entender porque o poder público tenta esconder personalidades como Solano Trindade, e a única conclusão que chego é que não querem que a população saiba que em nossa cidade viveu um líder que teve a mesma importância dos grandes lideres negros americanos, um pensador, um idealista, um intelectual no sentido exato da palavra, onde as posições e decisões que tomava virava assunto no meio intelectual e que agora está retratada neste magnífico documentário.

Solano foi poeta, ator, artista plástico carnavalesco e boêmio. Quer mais! Mas e aí? Porque será que negro intelectual no nosso país esta fadado a viver no ostracismo?

Valeu Rodrigo e toda a rapaziada do Cine Clube Mate Com Angu, nas quebradas que vou, vocês são a minha referencia positiva quando a assunto é cinema independente. Que esse vento forte chamado Solano Trindade possa dar o levante que esse belo trabalho merece. Vamos criar uma rede para ajudar a divulgar e levar este filme para todos os lugares. Que bom se esse documentário chegasse aos alunos das escolas públicas da nossa região. Neste sistema governamental tão mesquinho que vivemos seria bacana que os jovens conhecessem um herói chamado Solano Trindade.

Foi lindo ver o teatro lotado e mais uma vez ver a organização do evento dizer em alto e bom som que não teve apoio nenhum de qualquer secretaria ou do governo local. É isso mesmo galera, belo exemplo. Quem perdeu, “mais uma vez”, foi o poder público local que deixou de fazer parte de um momento único de algo grandioso e de tamanha importância para a nossa cidade e para nossa cultura.

Infelizmente, os nossos governantes não querem reconhecer o valor dos artistas locais e não conseguem enxergar que os artistas não têm mais vergonha de dizer que são da Baixada Fluminense, pelo contrario, sentem orgulho de serem daqui, e que já começam a ganhar notoriedade e reconhecimento lá fora. Então, que a nossa arte e os nossos artistas ganhem o reconhecimento que merecem em todos os cantos fora da Baixada, e quando derem declarações ou entrevistas, que digam que há de chegar o dia de termos na nossa região oferta de entretenimento de qualidade também produzida por nós, e com incentivo do governo local. Que venham os grandes artistas de todo o país, mas deixe que os grandes artistas daqui também mostrem o seu trabalho, principalmente trabalho como esse lindo documentário sobre Solano que poderia ecoar pelos quatro cantos da nossa região enchendo de orgulho a nossa população. Mais um grande trabalho que só terá valor político, quando estourar lá fora.

Sabe o que diferencia a cidade de Parati da nossa? Respeito pela historia e pela cultura local!

Parabéns Rodrigo Dutra, parabéns Cineclube Mate Com Angu, pelo lindo “O Vento Forte do Levante”. Salve Solano Trindade!

  • Seus dados

  • Nome completo *
    Digite seu nome completo
  • E-mail *
    Digite seu nome completo

  • Dados dos seus amigos

  • Limite de 10 e-mails por envio.
  • Nomes *
    Caso queira enviar para vários amigos, basta separar os nomes com vírgulas.
    Exemplo: George Gonçalo, Ana Leticia, Mauro Gomes
  • E-mails *
    Digite os e-mails dos seus amigos. Siga a mesma ordem dos nomes.
    Exemplo: george@email.com, ana@email.com, mauro@email.com
  • Mensagem *
    Essa mensagem será enviada para seus amigos, junto com a indicação

Acompanhe os comentários...

Total: 4 comentários


  • 04 de agosto de 2011 - 11:30
    Ivan Mobilio diz:
    Valeu Bira ! Como seria bom se todos os nossos dirigentes dessem esta oportunidade aos nossos artistas. A luta continua, arte e cultura neles.

  • 01 de agosto de 2011 - 08:32
    Romulo Cabral Cabral diz:
    O legado e a historia de quem fez e faz historia em nosso país, tem que ser reconhecido sempre, através de esforços e sabedoria daqueles que se propõe realizar. Salve Solano Trindade, salve o belo trabalho do pessoal da baixada, e parabens Bira da Vila, por tanta dedicação incluindo em sua arte, a arte daqueles que merecem ser lembrados sempre.

  • 31 de julho de 2011 - 19:06
    josé carneiro soares diz:
    A ARTE não é feita só por ela mesmo. O trabalho do Solano Trindade mostra isso. E eu sei que a tua ARTE também está a serviço do nosso povo. Um abraço Carneiro

  • 30 de julho de 2011 - 16:57
    Antonio Carlos Oliveira diz:
    belo texto, Bira. A Biblioteca Comunitária Solano Trindade fica feliz em fazer parte dessa História, e mais que isso de poder contribuir para que Duque de Caxias redescubra Solano Trindade. obrigado pela força!